propósito de vida

VOCÊ, profissional de saúde, você sabe qual o seu propósito de vida?

Você já parou para pensar em você?

Neste momento da história, você é o soldado nesta guerra – já deve ter ouvido isso milhões de vezes. Mas o que isso significa PARA VOCÊ?

Nas guerras a que estamos acostumados a assistir (por contingências naturais nunca participamos de nenhuma), os soldados são convocados. Alguns poucos se alistam por ideologia política ou consciência de cidadania.

Mas no seu caso, você estava lá, exercendo sua profissão, pensando apenas em cumprir sua jornada de trabalho, cuidar de pessoas, orientar, ensinar, receber seu salário, e de repente você se vê no meio da pior guerra que a humanidade já participou.

Uma guerra contra um inimigo invisível. Global. Com abrangência maior do que uma bomba atômica. Uma guerra onde você não escolheu participar, onde pode ser atingido e sua família também.

Você está onde queria estar?

Como profissional da saúde, posso imaginar como você está se sentindo, vendo colegas adoecerem, se preocupando com os filhos, com seus pais idosos, querendo também se isolar e podendo fazer muito pouco.

Você já parou para pensar se neste momento gostaria de estar onde está?

Alguma vez se imaginou servindo em uma guerra? Ou, em uma Pandemia global?

Está vivendo um vida congruente com seu propósito de vida?

Crises existenciais ou globais são excelentes oportunidades para refletirmos se estamos vivendo uma vida congruente com nosso propósito de vida. Por que você escolheu ser um profissional de saúde?

O que seu trabalho é para você? Um emprego? Uma carreira? Uma vocação?

Você normalmente sofre para ir trabalhar?

Você gosta de estudar, se manter atualizado, pesquisar em sua área de atuação?

Se sua resposta para as últimas duas perguntas for sim e não, respectivamente, provavelmente você não está em sintonia com seu Propósito de Vida.

Você é tudo que nasceu para ser?

Ou está sendo o que está “dando” pra ser, deixando “a vida te levar”?

Ou melhor, você trabalha para ter, fazer ou ser?

Se não sabe a resposta, pense: você trabalha com o principal objetivo de comprar, adquirir coisas, pagar contas; para fazer com que as pessoas se sintam bem, contribuir com a saúde das pessoas ou para ser alguém realizado, feliz, em perfeita conexão com sua essência?

Objetivo x Propósito

Você pode e deve ter vários objetivos com seu trabalho, como comprar coisas, fazer viagens, estudar, está tudo certo. Mas propósito é diferente.

Objetivo está fora de você. Propósito está dentro.

Objetivo é o que você alcança. Propósito é o que você vive.

Objetivo serve para te orientar. Propósito serve para te alimentar.

Propósito é o que faz você continuar, mesmo quando você não vê perspectivas, mesmo quando seu objetivo está longe e você não consegue nem enxergar o meio para alcançar aquilo.

E então, você está vivendo seu propósito de vida? Ou se sente em uma guerra?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *